Pesquisar

15 de dez de 2011

15 de dezembro de 1966: Adeus a Walt Disney, o criador da fábrica de sonhos

Imprimir E-mail PDF Orkut Facebook Twitter Mais


Walter Elias Disney tornou-se conhecido nas décadas de 20 e de 30 por seus personagens de desenho animado. Uma pesquisa realizada em 1955 revelou que o cineasta era a personalidade mais conhecida do Ocidente. Os
entrevistados o identificavam como o pai do Pato Donald e do Mickey. Mas só a partir de 1950, 25 anos depois da criação do famoso camundongo, suas produções começaram a dar lucro. Disney comentou que enfrentava muitas dificuldades para obter empréstimos porque os bancos tinham medo de suas empreitadas, mas depois do sucesso a situação se inverteu. Os bancos o procuravam para saber se ele precisava de dinheiro. 

pic.twitter.com/uCqFwvr8


Disney e seus assistentes utilizaram os recursos técnicos dos filmes sonoros e coloridos inventados no fim da década de 20 e início da década de 30 com muita imaginação.

O primeiro desenho sonorizado foi Steamboat Willie, 1928 em que o próprio Disney dublava o Mickey. Surgiram, em seguida, outros personagens para contracenar com o ratinho: Minnie, Pato Donald, Pateta e Pluto. O produtor fez também o primeiro desenho animado de longa-metragem, Branca de Neve e os Sete Anões, lançado em 1940. As produções realizadas durante a Segunda Guerra Mundial fracassaram e Disney viu-se diante de um impasse: ou arriscava todo o dinheiro em um filme ou fechava as portas. Decidiu então filmar Cinderela. O desenho foi um sucesso e a empresa prosperou.

O primeiro longa com atores foi A Ilha do Tesouro, 1950. Depois produziu 20 mil Léguas Submarinas, baseado na obra do escritor francês Júlio Verne e pouco antes de morrer lançou Mary Poppins, uma mistura de desenho animado com personagens humanos. Disney foi o cineasta mais premiado com o Oscar, prêmio dado pela Academia de Cinema de Hollywood.

Cineasta criou império
Walt Disney inaugurou a Disneylândia, um superparque de diversões em Anaheim, na Califórnia, em 1955. O parque foi construído graças a uma parceria com a rede de televisão ABC. Após a morte do cineasta foi inaugurado a Disneyworld, perto de Orlando, na Flórida, com o Epcot Center, o Magic Kingdom, os estúdios MGM e o Disney Animal Kingdom, além dos parques aquáticos. O império criado por Disney inclui a também as filiais da Disneylândia em Paris e no Japão, canais de televisão e serviços de aluguel e venda de filmes, livros, e o direito de utilização das imagens dos personagens

Nenhum comentário: